2017-11-13 - 10:17
somos fruto da oração de Jesus!
Uma das melhores maneiras de experimentarmos a presença e o poder de Deus é através da oração
JESUS ENTRA EM ORAÇÃO
Jo 17.1-26
Pr. José Ernesto D’Azevedo Carneiro

Jo 17.1-26 

Uma das melhores maneiras de experimentarmos a presença e o poder de Deus é através da oração. Existem duas orações fundamentais que Jesus fez. A primeira e mais conhecida é a do “Pai Nosso” e a segunda é essa de João, capítulo 17, um pouco antes de ser traído por Judas, preso pelos soldados romanos, julgado, condenado e crucificado. 

Por que eu escolhi esse texto para meditar justamente no dia em comemoramos 26 anos de história? 

Por dois motivos:

 

Primeiro, porque tenho certeza que somos fruto da oração de Jesus.  

·        Ele orou para que crêssemos e sua oração foi ouvida e respondida.

·        Fomos gerados no coração de Deus e o Espírito Santo revelou Cristo a cada um de nós.

·        Então, hoje, quando completamos 26 anos, quero honrar ao Senhor, quero adorá-lo dizendo que toda a glória, a honra e poder sejam dados a Ele, pela nossa história.

·        Os méritos da existência da nossa Comunidade Evangélica das Nações são de Jesus.

·        Ele é a cabeça do corpo, que é a Igreja, e é ele quem dá vida ao corpo. Ele é o primeiro Filho, que foi ressuscitado para que somente ele tivesse o primeiro lugar em tudo.

·        Jesus nos trouxe de volta para Deus.

·        E ele nos mantém conservado em ordem e harmonia, pois é a cabeça, autoridade maior da igreja, é o autor e consumador da nossa fé, aquele que dá vida ao corpo.

 

O segundo motivo que me levou a escolher e meditar neste texto foi o fato de perceber que muitas das coisas que Jesus pediu ao Pai já tem se cumprido em nossas vidas.
 

Vou citar algumas destas experiências: 

A vida eterna. (v.1-3) Depois de dizer essas coisas, Jesus olhou para o céu e disse: Pai, chegou a hora. Revela a natureza divina do teu Filho a fim de que ele revele a tua natureza gloriosa. Pois tens dado ao Filho autoridade sobre todos os seres humanos para que ele dê a vida eterna a todos os que lhe deste. E a vida eterna é esta: que eles conheçam a ti, que és o único Deus verdadeiro; e conheçam também Jesus Cristo, que enviaste ao mundo. 

·        Não existe presente maior e melhor do que este. Ter um relacionamento pessoal e verdadeiro com o Pai e com Jesus.

·        Isso é mais poderoso do que ver demônios sendo derrotados..

·        O próprio Jesus disse em Lc 10.20 não fiquem alegres porque os espíritos maus lhes obedecem, mas sim porque o nome de cada um de vocês está escrito no céu.

·        Ter o nome no Livro da Vida significa está registrado no coração de Deus.

·        E esse é um registro eterno.

·        Jesus disse, em Ap 3.5, que jamais apagaria o nosso nome do livro da vida. Ele também nos prometeu que nos reconhecerá diante do Pai e dos anjos.

·        Então, ter a certeza da salvação e da vida eterna é algo bom demais!

·        Se você está em Cristo, a vida eterna já é uma realidade para você. 

Outra experiência é a de pertencimento. (v.6-10) Eu mostrei quem tu és para aqueles que tiraste do mundo e me deste. Eles eram teus, e tu os deste para mim. Eles têm obedecido à tua mensagem e agora sabem que tudo o que me tens dado vem de ti. Pois eu lhes entreguei a mensagem que tu me deste, e eles a receberam, e ficaram sabendo que é verdade que eu vim de ti, e creram que tu me enviaste. Eu peço em favor deles. Não peço em favor do mundo, mas por aqueles que me deste, pois são teus. Tudo o que é meu é teu, e tudo o que é teu é meu; e a minha natureza divina se revela por meio daqueles que me deste. 

·        Deus nos deu uma grande e linda família que tem gente espalhada por toda a terra.

·        Irmãos de todas as tribos, povos e raças.

·        Aqui mesmo, na CEN, temos paraguaios, argentinos, americanos, descendentes de libaneses, sírios, além, é claro, dos brasileiros.

·        Mas, o melhor de tudo é sabermos que somos do Pai, somos filhos de Deus, que pertencemos a Cristo, que somos ovelhas do seu rebanho.

·        Irmãos! Enquanto estivermos aqui, temos uma aliança indissolúvel com ele e com nossos irmãos. Isso é ser igreja!

·        E foi nesta comunidade que eu ganhei esse entendimento. 

Outra grande bênção é ter a proteção contínua de Deus. (v.11-12) Agora estou indo para perto de ti. Eles continuam no mundo, mas eu não estou mais no mundo. Pai santo, pelo poder do teu nome, o nome que me deste, guarda-os para que sejam um, assim como tu e eu somos um. Quando estava com eles no mundo, eu os guardava pelo poder do teu nome, o mesmo nome que me deste. Tomei conta deles; e nenhum se perdeu, a não ser aquele que já ia se perder para que se cumprisse o que as Escrituras Sagradas dizem. 

·        Como é preciosa a segurança que Jesus nos traz.

·        Ele nos guarda junto a ele, mas também nos guarda como comunidade.

·        Ele orou para que nossa unidade fosse protegida.

·        Sua proteção sobre nossas vidas vem pelo poder do nome dele.

·        E ele não deixa que ninguém nos tire de suas mãos ou nos separe do seu amor.

·        Estamos nas mãos certas! Ele tem cuidado de cada um.

·        Ele é o bom Pastor e não permitirá que nenhuma cilada tenha êxito sobre as nossas vidas.

·        Ele nos dá esta proteção porque somos igreja.

·        Igreja é corpo, família, gente que vive em aliança uns com os outros, gente que se cuida para que ninguém se perca.

·        Por isso, nunca abandone a comunhão com os irmãos!

·        Ovelha que anda sozinha vira petisco de lobo. 

Vou citar outra experiência que temos como resposta à oração de Jesus - a alegria completa (v.13). E agora estou indo para perto de ti. Mas digo isso enquanto estou no mundo para que o coração deles fique cheio da minha alegria.

 

·        A alegria que Jesus nos dá é fruto do seu Espírito.

·        É fruto também da nossa relação com ele.

·        Ela nos preenche à medida que permitimos que Jesus cresça em nós.

·        As palavras de Jesus também mantém essa alegria em alta potência.

·        Somos santificados pela palavra da verdade e então, somos fortalecidos por ela e agimos com convicção enfrentando toda oposição do mundo.

·        Jesus orou para que tivéssemos a plenitude da sua alegria.

·        Não existe ninguém nem nenhuma outra fonte de uma alegria tão poderosa e permanente.

·        A alegria verdadeira está no coração de quem já conhece a Jesus!

·        E quem conhece e vive na presença de Jesus tem prazer na vida e ama servir aos outros. 

A última experiência que desejo citar é nosso chamado missionário (v.18). Assim como tu me enviaste ao mundo, eu também os enviei. 

·        Durante muito tempo achei que missionário era um tipo específico de seguidor de Jesus.

·        Todo cristão, todo aquele que se torna seguidor de Jesus é um missionário.

·        Ele orou por isso, se santificou e nos enviou para o mundo.

·        O mundo é o nosso campo missionário.

·        Fomos enviados para compartilhar o evangelho a toda criatura e para fazer discípulos de Jesus em todas as nações.

·        Seja qual for sua profissão, se você é um discípulo de Jesus, você é um missionário enviado para fazer diferença onde estiver.

·        O crescimento do reino depende de sua obediência e da sua disponibilidade.

·        Muitos só acreditarão em Jesus quando você se permitir ser usado por Deus.

·        Jesus orou pelos que iam crer: (v.20-21) Não peço somente por eles (discípulos), mas também em favor das pessoas que vão crer em mim por meio da mensagem deles. E peço que todos sejam um. E assim como tu, meu Pai, estás unido comigo, e eu estou unido contigo, que todos os que crerem também estejam unidos a nós para que o mundo creia que tu me enviaste.

·        Irmãos! A vontade de Jesus está explícita neste versículo: que o mundo creia que tu me enviaste. 

É por isso que chegamos até aqui... por causa da oração de Jesus por nós, mas também porque aqueles que creram nele se dispuseram a compartilhar a verdade em amor com a gente. 

Continuem a lançar a boa semente nos corações. Levem o verdadeiro evangelho às pessoas. Comprometam-se com o movimento de amor de Deus pelas pessoas, independente da condição na qual elas se encontrem. 

Vamos ser uma igreja que vive em santidade, unidade e amor pelo ser humano. 

Que venham mais 26 anos pela frente e que Deus nos abençoe. 

Vamos orar.